Músico feirense suspeito de matar delegado é morto a tiros dentro de ambulância do Samu - Rádio Liberdade FM Online

Músico feirense suspeito de matar delegado é morto a tiros dentro de ambulância do Samu

O músico feirense José Carlos de Santana, de 43 anos, conhecido como Júnior Bless, suspeito de matar o delegado Anderson Liberato em Jataúba em Pernambuco, foi morto a tiros na noite de sábado (17) dentro de uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), em Caruaru, no Agreste de Pernambuco.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito, foi baleado após atirar contra o delegado enquanto estava sendo socorrido para o o Hospital Regional do Agreste (HRA), que fica em Caruaru.

O coordenador do Samu Regional, Pedro Henrique Gonçalves, informou que a ambulância foi abordada por homens armados em um veículo perto de uma área conhecida como Juriti. A equipe médica nada sofreu.

A Polícia Civil de Pernambuco informou que equipe da DEAH (Divisão Especializada de Apuração de Homicídios) foi designada para apurar o caso.

Delegado foi morto ao cumprir mandados de prisão

O delegado Anderson Liberato foi morto a tiros na manhã do sábado (17), ao cumprir mandados de prisão contra um casal suspeito de homicídio. Um dos alvos era o suspeito de atirar contra o delegado, segundo a Polícia Civil.

A médica Solange Ferreira de Almeida, que atendeu Anderson na Unidade Mista Ana Argemira Correia, em Jataúba, disse que o delegado levou 3 tiros.

Liberato era titular da Delegacia de Polícia Civil de Brejo da Madre de Deus. Ele tinha 32 anos e ingressou na corporação em 29 de janeiro de 2018.

O suspeito, José Carlos de Santana era baixista, tocou em várias bandas da cidade de Feira de Santana e artistas do cenário musical nacional.

Por: R. Amaral/Márcia Chaves | Fonte: AcordaCidade | 19/04/2021