Embarcação explode no Acre e deixa 15 pessoas em estado grave, entre elas mãe e bebê

Barco explodiu no Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, nesta sexta-feira (7). Das vítimas, 6 estão entubadas e bebê foi transferido para Rio Branco neste sábado (8).

Uma explosão em uma embarcação deixou 15 pessoas gravemente feridas, no final da tarde desta sexta-feira (7). O acidente ocorreu no Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o barco transportava mercadorias, pessoas e combustível para os municípios de Porto Walter e Marechal Thaumaturgo, no interior do estado. Os feridos são 10 homens, três mulheres e duas crianças.

O diretor clínico do Hospital do Juruá, Marlon Holanda, informou que entre as vítimas estão uma mãe e um bebê de 9 meses, que foi transferido para o Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb).

O nome das vítimas ainda não foi divulgado. Holanda afirmou que os pacientes estão com queimaduras de 70% a 90% da superfície corporal queimada. “Sete pessoas estão entubadas em estado gravíssimo, duas vão ser transferidas agora de manhã para Rio Branco e os outros oito pacientes estão em estado grave”, disse.

O comandante do Corpo de Bombeiros da cidade, capitão José Dutra de Oliveira, informou que no momento da explosão, o barco estava abastecendo.

“Um barco que ia para Marechal Thaumaturgo [cidade do interior], de um senhor conhecido por Moreno, estava abastecendo às margens do rio, ao lado do [bairro] Miritizal, direto de um caminhão pipa, que também não sei de onde é. Aparentemente, era um abastecimento clandestino, e o barco explodiu com o pessoal que estava dentro”, contou.

Barco explodiu no Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, nesta sexta-feira (7) — Foto: Gledisson Albano/Rede Amazônica Acre

Barco explodiu no Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, nesta sexta-feira (7) — Foto: Gledisson Albano/Rede Amazônica Acre

Explosão

João Oliveira da Silva, de 33 anos, ficou com queimaduras nas pernas, braços e mãos. Ele disse que estava com o filho no barco e não sabe se ele conseguiu se salvar.

“Não sei dizer como foi, quando vi o fogo cai na água. Tinha muita gente no barco. Deve ter morrido alguém, não tinha como sair. Não tirei nada, roupas queimaram tudo. Graças a Deus consegui sair”, lamentou.

O catraieiro Nonato Coelho estava na outra margem do rio quando houve a explosão. Ele afirmou que o motorista do carro-pipa retirou a mangueira rapidamente e saiu do local.

“Quando vimos, foi a explosão e fumaça. O caminhão estava no barranco, mas quando vi o fogo não sei nem se conseguiu puxar a mangueira, só vi que estava derramando gasolina, ele pulou dentro do carro e se mandou”, relembrou.

Fonte:G1

Compartilhe
Comentários
Loading...
WhatsApp chat Fale conosco