Adultos com mais de 40 anos devem fazer Teste Rápido para Hepatite C

Mesmo sem existência de vacina para prevenção da hepatite C, a doença tem cura e a Secretaria Municipal de Saúde tem contribuído para o plano de erradicação da enfermidade no Brasil até o ano de 2030. Para tanto, o Programa Municipal de Hepatites Virais convoca a população feirense com idade superior a 40 anos para testagem e diagnóstico.

Segundo Telma Nandiara, coordenadora do Programa de Hepatites Virais, quem tem tatuagem ou piercing deve ter uma preocupação maior em realizar o teste. Isso porque há alguns não se tinha o hábito de descartar objetos perfurantes, como agulhas, que possuem contato com o sangue e quando compartilhados são propícios para transmissão da doença.

“Por isso estamos reforçando o diagnóstico e encaminhando os casos positivos para tratamento, que dura em torno de 12 a 24 semanas”, ressalta.

Idosos têm acesso à vacina e testes rápidos

Maria de Fátima dos Santos, 62 anos, aproveitou a ação do Julho Amarelo, campanha de prevenção às hepatites virais, no Centro de Convivência para Idosos Dona Zazinha Cerqueira, e fez o teste rápido na quinta-feira, 19. “Eu vim para a aula de massagem e fiz logo o teste. Achei ótima essa ação, pois tem pessoas que não sabem direito o que é a hepatite”, relata.

Desde cedo participando das atividades no Centro, Maria da Graça da Silva, 70 anos, tomou pela primeira vez a vacina. “Nunca tinha me vacinado contra hepatite e aprendi muita coisa aqui hoje. Tenho muito cuidado com meus esmaltes, alicate e não deixo ninguém pegar em minhas coisas”, ressalta.

Várias atividades no dia 28 de julho

Para quem ainda não realizou o exame, a mobilização no dia D, 28 de julho, Dia Mundial de Luta contra as Hepatites, é uma oportunidade. O evento será marcado com testes rápidos, distribuição de preservativos e vacinação gratuita no estacionamento da Prefeitura, na avenida Getúlio Vargas, das 8h às 12h.

 

*Acorda Cidade

Compartilhe
Comentários
Loading...
WhatsApp chat Fale conosco