Incêndio em fábrica em Salvador consumiu 60% do prédio; chamas atingiram cerca de 30m de altura

Cerca de 20 imóveis que ficam ao redor da fábrica, no bairro de Valéria, precisaram ser desocupadas por questão de segurança. Ninguém ficou ferido no incidente.

O incêndio de grandes proporções que atingiu uma fábrica de colchões na rua Eurico Temporal, no bairro de Valéria, no início da manhã desta terça-feira (19), em Salvador, consumiu 60% do prédio. As chamas chegaram a atingir cerca de 30 metros de altura. Até a publicação desta reportagem, o fogo estava controlado mas não havia sido totalmente apagado.

Ninguém ficou ferido, mas cerca de 20 casas precisaram ser desocupadas, segundo a Defesa Civil de Salvador (Codesal). As famílias que não conseguiram abrigo na casa de familiares, recebem acolhimento em um centro comunitário do bairro onde fica a fábrica.

As chamas começaram em uma área de produção de blocos de espuma, e o material inflamável fez com que o fogo se espalhasse rapidamente. A equipe de brigadista da fábrica que chegou por volta das 6h no local tentou apagar o incêndio, mas não conseguiu porque as chamas aumentaram muito rápido.

“Eu e quatro colegas fomos para cima do fogo [para apagar], mas só que não deu tempo. O fogo se alastrou muito rápido e a gente não teve reação de fazer mais nada”, disse o brigadista Jean Vieira.

A Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) foi acionada para cortar a transmissão da rede de energia elétrica, para evitar novas ocorrências. Vários caminhões-pipa da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) foram acionados para abastecer as viaturas dos bombeiros.

Um galpão da fábrica foi completamente atingido pelo fogo. No local, além de documentos, estavam dois cachorros que foram retirados com vida.

Fonte:G1

Compartilhe
Comentários
Loading...
WhatsApp chat Fale conosco